sexta-feira, 29 de novembro de 2019

Panicats onde estão

Panicats onde estão

O que andam fazendo todas as ex-Panicats

Veja como se sustentam ex-panicats após fim do programa de TV

Nicole Bahls
Nicole Bahls entrou no Pânico em 2009 e posou para a revista Playboy no ano seguinte. Em 2011 deixou o cargo e lançou sua própria grife de roupas fitness. Participou da 5ª edição de A Fazenda e voltou ao Pânico como repórter em 2013. No mesmo ano, posou para uma nova edição especial da revista Playboy. Em 2017, Nicole participou do reality A Fazenda: Nova Chance, e recentemente, do Power Couple Brasil. Nicole é formada em Jornalismo mas atua como influenciadora digital. Com 5,4 milhões de seguidores só no Instagram, ela é muito requisitada para postagens patrocinadas e presenças vip.


Wendy Tavares
Wendy Tavares foi convidada para participar de alguns programas do Pânico, e em seguida foi oficialmente apresentada como panicat. Ela entrou em 2017, pouco tempo antes de o humorístico acabar. Aos 24 anos, a morena ganha a vida como influenciadora e também modelando. Em seu Instagram, onde acumula 1,1 milhão de seguidores, dá dicas de beleza e moda.


Tânia Oliveira
Tânia Oliveira tinha 27 anos quando entrou para o time de assistentes de palco do Pânico, em 2005. Já em 2008, deixou a atração por estar descontente com os rumos do programa. Dona de um corpo escultural mesmo atualmente, aos 40 anos, ela posou para a Playboy – foi capa em fevereiro de 2006. Depois disso trabalhou como apresentadora e repórter nos programas Interligado e Brothers, da RedeTV!. Atualmente estuda Nutrição e também trabalha na rádio Transcontinental FM.


Dani Bolina
Dani Bolina entrou no Pânico em 2005, e deixou o humorístico seis anos depois para participar da 4ª edição do reality A Fazenda. Depois disso, trabalhou como repórter para Ana Hickmann e depois no quadro Elas Querem Saber, exibido pelo Programa Raul Gil. Após a mudança do programa para a Band, Dani voltou a fazer participações esporádicas. No último ano da atração, participou dos quadros Panicats Fight e Largadas e Peladas. Aos 35 anos e com 3 milhões de seguidores, Dani é influenciadora digital e bastante requisitada para posts pagos. Ela também faz trabalhos de modelo e tem uma parceria com uma empresa de comida saudável.


Mari Gonzalez
Mari Gonzalez não teve um reinado muito duradouro como panicat. A modelo – que chegou a disputar o Miss Bahia – entrou em agosto de 2014 no humorístico e três meses depois foi promovida a repórter. Acostumada a dar dicas de saúde, ela lançou um canal no YouTube, o 100 Ideias, e mais recentemente lançou um aplicativo junto com o namorado, Jonas Sulzbach, chamado Casal Fit, com dicas de exercícios físicos.


Renata Molinaro
Renata Molinaro entrou no Pânico em maio de 2012 e acabou pedindo demissão pouco mais de dois anos depois, em 2015, por não concordar com os rumos que o programa estava tomando. Antes de se unir ao time de beldades do humorístico, a carioca já era assistente de palco. Ela trabalhava no Caldeirão do Huck, era uma das “caldeiretes”. Dona de um corpo esbelto e cobiçado, a morena foi Musa do Brasileirão do Goiás Esporte Clube e também representou a cidade de Petrópolis no Miss Rio de Janeiro. Atualmente com 31 anos, Renata ganha a vida como modelo e influenciadora digital. Tem 1,2 milhões de seguidores no Instagram, e lá mostra sua rotina de viagens, dá dicas de beleza e exibe as curvas em fotos de biquíni e maiô, na praia e na piscina.


Carol Belli
Carol Belli fez parte da primeira geração de panicats do Pânico da Band. Entrou no programa em 2012, aos 20 anos, e deixou a atração no ano seguinte para se dedicar aos estudos (ela fazia Publicidade). Na época, a modelo e influenciadora – profissões que ocupa até hoje – disse que “não conseguiu se acostumar com a exposição” e recusou convites para ensaios na Playboy e da Sexy.


Aline Mineiro
Aos 28 anos, Aline Mineiro, quando entrou no Pânico, em 2015, já era formada em artes cênicas e também tinha o curso de comissário de bordo. Ficou dois anos na atração. Dona de um corpo escultural. Com 2,3 milhões de seguidores só no Instagram, ela atualmente é dona de uma loja de roupas em Perdizes, São Paulo, e sempre que pode acompanha o namorado, o humorista Léo Lins, pelo Brasil a fora com seu show de Stand-up Comedy.