sábado, 12 de janeiro de 2019

Netflix processada por plagio Black Mirror

Netflix processada por plagio Black Mirror

Netflix é processada por plágio em filme interativo de Black Mirror

Netflix é processada por “copiar” formato de Black Mirror: Bandersnatch

Netflix processada por plagio Black Mirror
Netflix processada por plagio Black Mirror
Editora de livros infantis também afirma que sua reputação foi prejudicada com o lançamento do longa ‘Bandersnatch’.

O que parecia óbvio aconteceu: a Netflix está sendo processada pelo primeiro filme ligado à franquia Black Mirror. Bandersnatch conta a história de um problemático programador que quer transformar um livro em game e acaba se deparando com questões complexas ao longo do caminho.
Boa parte dessas questões são definidas pelo espectador, já que a série foi criada no formato “escolha sua própria aventura”.

Acontece que “Choose Your Own Adventure” é uma marca registrada que pertence à empresa Chooseco LLC, editora de livros responsável por lançar títulos no mesmo formato que permite que o leitor escolha os caminhos dos personagens entre 1979 e 1998.

De acordo com a Pitchfork e o The Hollywood Reporter, a empresa entrou com um processo contra a Netflix por entender que a gigante do streaming está violando seus direitos autorais. Ela já havia mandado uma carta de “cessar e desistir”, dizendo que seu formato não poderia ser usado.

Segundo a editora, a Netflix vem tentando liberar os direitos autorais do formato desde 2016 mas não teve sucesso.