sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Amazon é investigada por pornografia infantil no Japao

Amazon é envolvida em investigação sobre venda de pornô infantil no Japão.
Segundo o jornal Sankei, a polícia também descobriu que uma dezena de vendedores de livros de pornografia com menores haviam disponibilizado suas mercadorias na plataforma antes de serem detidos.

A operação teria ocorrido após a detenção em setembro de dois homens acusados de ter colocado à venda nesta plataforma livros que incluíam fotografias de pornografia infantil, artigos cuja distribuição e venda são ilegais.
A rede Amazon.com informou que ira colaborar com as autoridades japonesas, após a divulgação de uma investigação sobre a venda on-line de livros de pornografia infantil na qual a gigante da distribuição está envolvida.

Apesar do Japao ter lei que proibe a pornografia que inclua menores de 18 anos, a lei não se aplica aos desenhos de mangás nem às imagens virtuais, exceção que foi frequentemente denunciada pelas ONGs.
.