quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Sony encerra parceria com a FIFA

A Sony encerrou  a parceria que tinha com a FIFA, e que garantia a exposição, entre outras, da marca PlayStation nas placas de publicidade das partidas do Mundial de Futebol, além de em uma série de outros eventos e mídias.
O argumento do fim da parceria o aumento nos custos de patrocínio, a atitude acontece, coincidentemente, junto com o vazamento de uma série de denúncias de corrupção e suborno na escolha das próximas duas sedes da Copa, a Rússia em 2018 e o Catar em 2022.
O investigador principal do caso disse que o relatória da FIFA é "incompleto e cheio de erros". De acordo com o portal asiático de notícias Nikkei, o patrocínio da Sony girava em torno de US$ 277 milhões de dólares e ocupava o pilar de "vida digital" dos apoiadores da FIFA.
.