sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Virus Ebola ameaca producao de chocolate da Nestle

Virus Ebola ameaca producao de chocolate da Nestlé.
 
Risco de Ebola em países produtores de cacau faz Nestlé entrar em alerta. Empresa teme que vírus atinja Gana e Costa do Marfim, na África Ocidental. Epidemia já contaminou quase 9 mil pessoas e matou mais de 4 mil.
 
O executivo-chefe da Nestlé, Paul Bulcke, disse que a empresa está em "alerta" com o surto de vírus ebola na África Ocidental, importante região produtora de cacau.
A Nestlé não possui fábricas em Serra Leoa, Guiné ou Libéria, os mais afetados pelo Ebola, mas tem ajudado no combate ao vírus, com doação recente de US$ 106 mil.

O objetivo é evitar que a doença chegue à Costa do Marfim e Gana, vizinhos à região epidêmica e principais produtores mundiais da amêndoa, que respondem por mais da metade da oferta global – matéria-prima do chocolate.
.