sexta-feira, 6 de junho de 2014

Fundador do Instagram defende censura de fotos intimas

Fundador do Instagram defende censura de mamilos. 
 Segundo O cofundador do Instagram, Kevin Systrom, regras são 'justas' e buscam dar 'segurança'; Rihanna e filha de Bruce Willis tiveram fotos retiradas do site e protestaram.

A empresa tem enfrentado críticas depois de remover fotos de mulheres com mamilos à mostra. Os termos de uso do Instagram estabelecem que "você não pode publicar fotos violentas, de nu total ou parcial ou sexualmente sugestivas", ele destaca.

A cantora Rihanna - que no mês passado fechou sua conta no Instagram após ser censurada por postar fotos nua - twittou seu apoio ao protesto.
.