segunda-feira, 14 de abril de 2014

Estudios cobram milhoes do Megaupload por pirataria

Em ação, grupo alega que prejuízos ultrapassaram os US$ 500 milhões.
Os principais estúdios de cinema dos Estados Unidos pedem ressarcimentos ao site de compartilhamento de arquivos Megaupload, fechado pelos Estados Unidos no início de 2012 como parte de uma operação contra a pirataria na internet.
Disney Enterprises, 20th Century Fox, Paramount Pictures (Viacom), Universal City Studios (Comcast), Columbia Pictures (Sony) e Warner Bros Entertainment apresentaram a um tribunal da Virgínia (leste dos Estados Unidos) uma ação por violação dos direitos de copyright contra o Megaupload e seu fundador Kim Dotcom.
O ressarcimento pode chegar a centenas de milhões de dólares. O Departamento de Justiça dos Estados Unidos e o FBI tentam há dois anos obter a sua extradição para que ele seja julgado por fraude e pirataria, acusações pelas quais pode ser condenado a até 20 anos de prisão.
Enquanto isso, no ano passado, Kim lançou uma nova empresa de armazenamento de dados chamada Mega.
.