terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Ministério Público Federal recomenda cancelamento da Radio Kiss FM

Ministério Público Federal recomenda cancelamento da concessão da Rede Mundial de Comunicação.
O Ministério Público Federal (MPF) emitiu na semana passada (23/01/2014) uma recomendação à Anatel e ao Ministério das Comunicações indicando o cancelamento das concessões da antiga Rede CBS, conhecida atualmente como Rede Mundial de Comunicação.

A informação foi veiculada pelo site Meio&Mensagem e indica um prazo de 60 dias para que os órgãos competentes se manifestem em relação ao pedido. A Rede Mundial controla várias emissoras de rádio na Grande São Paulo e também em outras regiões brasileiras, com destaque para as estações Top do Brasil FM 104,1 MHz (ex-Tupi FM) e a Kiss FM 102,1 MHz.O documento estipula o prazo de 60 dias para a manifestação do Ministério das Comunicações e da Anatel, “sob pena de adoção das medidas judiciais cabíveis”.

Segundo a entidade, as outorgas infringem limites previstos no Decreto-Lei 236/67. Rádios como Top do Brasil (emissora que recentemente perdeu seu nome fantasia na justiça), Kiss FM, Scalla FM, entre outras, são alvos dessa recomendação enviada pelo Ministério Público Federal. O grupo é controlado pelo empresário Paulo Masci de Abreu, proprietário do Hotel Saint Peter, em Brasília, onde o ex-ministro José Dirceu, condenado por mensalão, chegou a ser contratado como assistente administrativo.
Fonte: RadialistaSP
.